Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Seis jornalistas cubanos entre os primeiros dissidentes a desembarcarem na Espanha



Os sete primeiros presos políticos libertados pelo regime cubano chegaram a Madri. Eles fazem parte do chamado "Grupo dos 75" - dissidentes presos e condenados a penas de até 28 anos durante uma ofensiva do governo cubano em 2003, informaram El Pais e a ABC.

Segundo a BBC Mundo, seis dos dissidentes libertados são jornalistas: Lester Luis Gonzalez Penton, Omar Hernández Ruiz, Julio César Gálvez Rodríguez, José Luis García Paneque, Pablo Pacheco Ávila e Ricardo González Alfonso. Na Espanha, eles declararam que representam "o início de um caminho que pode ser o começo de uma mudança" em Cuba, informa a EFE.

Enquanto os dissidentes partiam da ilha, o ex-presidente Fidel Castro reapareceu na televisão cubana (e e chamou a atenção da mídia) para falar de questões internacionais. Fernando Ravsberg, da BBC Mundo, disse que o retorno de Fidel aos palcos após um ano fora da esfera pública não é mera coincidência, mas um gesto político. Especula-se que a intenção do líder revolucionário tenha sido mostrar que a libertação anunciada dos 52 prisioneiros políticos foi feita com o seu consentimento.


Other Related Headlines:
» Kwong Wah Po, o jornal cubano em chinês (Associated Press)
» Dissidentes libertados: uma nova atitude do governo cubano? (Deutsche Welle)

No comments

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.


Assine o boletim semanal

Receba nosso boletim semanal sobre jornalismo nas Américas.

Escolha seu idioma:

English
Español
Português

Por favor, digite seu e-mail:

Facebook

Comentários recentes