Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Jornalista argentino é agredido a socos por presidente de Conselho Deliberativo de um município



Um jornalista argentino foi atacado a socos pelo presidente do Conselho Deliberativo do município de Candelaria, em Misiones, ao tentar cobrir uma de suas sessões, no dia 16 de abril. O profissional já havia sido três vezes impedido de acompanhar tais sessões, sob argumento de que os “jornalistas devem apresentar previamente seu registro profissional para gravar as sessões”, informou o Fórum de Jornalismo Argentino (FOPEA).

O presidente do Conselho, Jorge Peña, deu socos no rosto do jornalista Daniel Luna, proprietário do Canal 4 e editor do site Actualidad Sur, quando o profissional começou a ler um Artigo Constitucional sobre liberdade de imprensa e liberdade de expressão, acrescentou o Misiones Cuatro.

Além disso, ataques contra jornalistas por parte de funcionários de prefeituras têm sido registrados recentemente em diferentes províncias da Argentina. Em Candelaria, o problema é que “os Conselhos Deliberativos locais impedem explicitamente a cobertura jornalística de suas sessões”, acrescentou o FOPEA em comunicado de 6 de abril.

O Fórum de Profissionais de Imprensa e Comunicação Social de Misiones (FoPreMi) pediu aos conselheiros do município de Candelaria “que iniciem os procedimentos internos necessários para aplicar a máxima punição, inclusive a destituição”, de Peña, explicou o Misiones Online.

A seguir, um vídeo do ataque contra o jornalista:



No comments

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.


Assine o boletim semanal

Receba nosso boletim semanal sobre jornalismo nas Américas.

Escolha seu idioma:

English
Español
Português

Por favor, digite seu e-mail:

Facebook

Comentários recentes