Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Presidente equatoriano convoca cidadãos a boicotar a imprensa



No que parece ser mais uma tentativa desesperada de silenciar os meios de comunicação de seu país, o presidente equatoriano Rafael Correa fez um chamado aos cidadãos para boicotarem a imprensa, informou a agência de notícias AFP.

"Temos como nos0 defender deixando de comprar essas porcarias chamadas jornais, deixando de ver esses canais que fazem politicagem em vez de informar", disse Correa durante seu relatório semanal de trabalho no sábado, 26 de maio, segundo o jornal peruano Correo.

Como se isso não fosse suficiente para demonstrar sua birra com a mídia, depois de criticar os diários El Universo e La Hora, o presidente também rasgou um exemplar do La Hora dizendo: "Para se queixarem como quiserem, onde quiserem", noticiou a agência EFE.

Como observou a EFE, Correa mantém uma relação bastante conflituosa com os meios de comunicação desde que iniciou seu governo em 2007. O mandatário não só vem causando preocupação nas associações jornalísticas nacionais como também nas internacionais.

No último dia 21 de maio, a Organização das Nações Unidas (ONU) expressou sua preocupação com o estado da liberdade de imprensa e de expressão no Equador durante o Exame Periódico Universal de Direitos Humanos (EPU). Nesta reunião, 17 Estados pediram para o governo equatoriano “respeitar e garantir de forma efetiva as liberdades de expressão e de imprensa no país” e sugeriram 24 recomendações sobre a liberdade de expressão, informaram a organização Fundamedios e o jornal La Hora.



No comments

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.


Assine o boletim semanal

Receba nosso boletim semanal sobre jornalismo nas Américas.

Escolha seu idioma:

English
Español
Português

Por favor, digite seu e-mail:

Facebook

Comentários recentes